quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Alegria!!!!

O Tema da aula esta semana foi alegria!

Não pensem que sempre estou vivendo plenamente com as minhas inspirações dos temas das aulas de dança do ventre terapêutica.... pelo contrário elas vêm me trazer aprendizado constante e pelo que percebo, muitas vezes o que passo nas aulas é exatamente o que preciso fazer e agir naquele momento da minha vida, ou algo que já tive que fazer e agir... por isso que sou sempre grata por minhas alunas, pois elas são o exemplo vivo daquilo que necessito trabalhar interiormente e colocar em prática...e isto é sempre um belo e constante exercício!

Semana passada comprei dois lindos peixes para colocar num aquário aqui em casa, mas eles duraram apenas 3 dias. Me trouxeram alegria e tristeza e com isso muito aprendizado!!! Como o tema da aula de segunda feira era ALEGRIA, não sabia como abordá-la diante da tristeza que sentia no coração naquele dia. Foi então que os mentores espirituais me ajudaram a trabalhar na seguinte mensagem:

"Êxitos e Fracassos - o fracasso ajuda a gerar o êxito. Aceitemos nossas perdas e jamais desanimemos. O verdadeiro insucesso reside em não tiramos o devido proveito dos fatos para nosso desenvolvimento espiritual. Todos aqueles que se encontram ajustados ao entendimento das leis divinas passarão a dar igual importância aos acertos e aos desacertos e usá-los em prol dos empreendimentos idealizados. O sábio aprendeu que o êxito do hoje muitas vezes foi a ruína do ontem, e onde vacilamos agora, amanhã deslancharemos. Na presença de tempestades e aflições, de ventanias e fracassos, trabalharemos o nosso crescimento interior, porque em todo tempo ou em qualquer situação a atitude certa é a positividade". (Extraído do livro:Conviver e Melhorar, ditado pelos espíritos Lourdes Catherine e Batuíra).

Chico Xavier nos passa a seguinte lição/exemplo: "As vezes, fico triste, mas graças a Deus, não sou um espírito triste. A alegria passa por cima de qualquer situação e o bom humor nos ensina a não dar aos acontecimentos infelizes, maior importância que eles tenham. Vamos experimentar um sorriso hoje mesmo? Não esperemos que alguma coisa boa aconteça para sorrirmos. Vamos sorrir para que as coisas boas aconteçam!"

Tivemos uma linda aula... compartilhamos muitas energias de amor, paz, e alegria...
Aqui fica uma música que marcou o final do nosso encontro, um mantra para cantarmos sempre que necessitarmos de fé!!!!

Beijos alegres para todos! Amanda


segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

À mãe Divina

Hoje dedico este vídeo àqueles que precisam expandir em seu coração o amor, a paz, a união com a Grande Mãe Divina. Que Kwan Yin abençoe à todos seus filhos... beijos

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Faça seu Ritual à Iemanjá


Aqui esta uma sugestão de um "ritual" para a Deusa do mar!

Limpeza da Casa:
Antes de começar a limpeza, podem ascender uma vela branca ou azul, oferecendo á Deusa Iemanjá e fazer uma oração e sua prece pedindo pela sua casa, sua família, para o planeta Terra, enfim como o seu coração preferir!
Depois limpar (vc ou pode tb pedir para a secretária do lar) a casa da seguinte maneira:
Comprem amoníaco e anil.
Diluir:
2litros de água com1 tampa de amonìaco num balde
2 litros de água com1 tampa de anil num outro balde
Torcer bem o pano e limpar o chão e azulejos da casa primeiro com o amoníaco e depois com o anil...
Passar o pau de chuva (quem tiver este instrumento, senão pode ser um incenso de rosas brancas ou lírio) em todos os cômodos da casa pedindo limpeza, fluidez, amor, paz, alegria entre as pessoas que moram ali ou que frequentam... Podem deixar uma música tocando ou um mantra... como quiserem...

Terminado tomem um banho de ervas:

Ferver a água e colocar as seguintes ervas em infusão e depois coar: rosa branca, manjericão, camomila, anis estrelado, alecrim, cravo, alfazema.
No banho:
Façam uma oração pedindo que as ervas limpem e energizem o seu corpo físico, mental e espiritual com amor, saúde, alegria, tranquilidade, prosperidade.... etc
Primeiro jogue do pescoço para baixo água com sal grosso... para limpar e lembrar as águas do mar (já que não podemos ir tomar uma banho de mar neste dia e para aquelas que estiverem na praia aproveitem para mergulhar e tomar um banho especial de mar).
Depois jogue o banho de ervas da cabeça para baixo.
Não precisa tomar ducha depois do banho de ervas.

Enfeite sua casa com Rosas Brancas ou Lírios.

Vc pode oferecer de sobremesa para sua família e amigos um arroz doce ou canjica, cozinhados com amor, carinho, afeto e paz!

Um lindo dia de IEMANJÁ para todas!
Muita paz, luz e amor em seus corações e nos seus lares!

Hoje - Dia de Iemanjá - Quem é esta???

Olá queridos,
É com carinho que compartilho este texto sobre Iemanjá. Achei lindo e especial para o dia de hoje!!!

IEMANJÁ
A majestade dos mares. Senhora dos oceanos, sereia sagrada, Iemanjá é a Rainha das águas salgadas, considerada como mãe de todos Orixás, regente absoluta dos lares, protetora da família. Chamada também como a Deusa das Pérolas, Iemanjá é aquela que apara a cabeça dos bebês no momento do nascimento.
Essa força da natureza também tem um papel muito importante em nossas vidas, pois é ela que vai reger nossos lares, nossas casas. É Iemanjá que vai dar o sentido de “família” a um grupo de pessoas que vivem debaixo de um mesmo teto. Ela é a geradora e personalidade ao grupo formado por pai, mãe e filhos, transformando-os num grupo coeso.
Iemanjá é o sentindo de educação que damos aos nossos filhos, os mesmos que recebemos de nossos pais, que aprenderam com nossos avós. Ela, Iemanjá, rege até o castigo, as sanções que aplicamos aos filhos. É o sentido básico, é a base da formação de uma família, aquela que vai gerar o amor do pai pelo filho, da mãe pelo filho, dos filhos pelos pais, transformando tais sentimentos num só, poderoso, imbatível, que se perpetuará.
Iemanjá é a família! Rege as reuniões de família, os aniversários, as festas de casamento, as comemorações que se fazem dentro da família. É o sentido da união, seja ligado, por laços consangüíneos, ou não.
Dentro do culto, numa casa de santo, Iemanjá também atua organizando e dando sentindo ao grupo, à comunidade ali reunida e transformando essa convivência num ato familiar; criando raízes e dependências; proporcionando o sentimento de irmão pra irmão em pessoas que há bem pouco tempo não se conheciam; proporcionando também o sentimento de pai para filho, ou de mãe para filho e vice-versa, nos casos do relacionamento do Babalorixás, ou Ialorixás como os Omo Orixás (filhos de Santo).
Iemanjá também está presente nas decisões, nos momentos de angústia e preocupação pelo ente querido, pois seus sentimentos geram os nossos, A necessidade de saber se aqueles que amamos estão bem, a dor pela preocupação, é uma regência de Iemanjá, que não vai deixar morrer dentro de nós o sentido de amor de amor ao próximo, principalmente em se tratando de um filho, filha, pai, mãe, outro parente, ou amigo muito querido. E estendemos isso, também, às comunidades da Religião.
Iemanjá é a preocupação e o desejo de ver aquilo que amamos a salvo, sem problemas. É a manutenção da harmonia do lar.
Está presente também no nascimento, pois é ela quem vai aparar a cabeça do bebê, exatamente no momento do seu nascimento. Se Exu fecunda e Oxum cuida da gestação, é Iemanjá quem vai receber aquela nova vida no mundo e entregá-la ao seu regente, que inclusive pode ser até ela mesma. Isto tem uma importância muito grande, no sentido e na visão da Cultura Africana, sobre a fecundação e concepção da vida humana. Iemanjá é a senhora dos lares, pois, desde o nascimento, ou a partir do nascimento, ela cuidará da família.
Daí o titulo de Iyá (mãe), melhor, Iyá – Ori (mãe da cabeça) e plasmadora de todas as cabeças; aquela que gera o Ori, que dá o sentido da vida e nos permite pensar, raciocinar, viver normalmente como seres pensantes e inteligentes.
Iemanjá está presente nos mares e oceanos. É a Senhora das águas salgadas e será ela que proporcionará boa pesca nos mares, regendo os seres aquáticos e provendo o alimento vindo de seu reino. Iemanjá é a onda do mar, o maremoto, a praia em ressaca, a marola, É ela quem controla as marés, é ela quem protege a vida no mar.

PRECE PARA IEMANJÁ
Oh! Iemanjá, sereia do mar. Canto doce, acalanto dos aflitos.
Mãe do mundo tenha piedade de nós.
Benditas são as benções que vem do teu Reino.
Meu coração e minha Alma se abrem para receber as bênçãos de Iemanjá.
Mãe que protege, que sustenta, que leva embora toda dor.
Mãe dos Orixás, Mãe que cuida e zela pelos seus filhos e os filhos
de seus filhos.
Iemanjá, tua Luz norteia meus pensamentos e tuas águas
lavam minha cabeça.

PRECE A IEMANJÁ
Divina Mãe, protetora dos pescadores e que governa a humanidade, dai-nos proteção. Oh! Doce Iemanja, limpai as nossas auras, livrai-nos de todas as tentações. És a força da natureza, linda deusa do amor e bondade (faça o pedido). Ajude-nos descarregando as nossas matérias de todas as impurezas e que a vossa falange nos proteja, dando-nos saúde e paz. Que assim seja feita a vossa vontade.

ORAÇÃO PARA IEMANJÁ

‘Iemanjá, derramai vossos poderosos fluídos sobre todos nós. Que vossa misericórdia continue a se estender sobre todos os reinos. Que os fracos sejam protegidos pelos vossos braços e que os humildes sejam enaltecidos pelo ruído do mar. Que os movimentos das ondas transmitam muita paz e amor. Que os orgulhosos percam a arrogância e sintam como é bom ser bom, porque a maldade só nos torna pequenos perante o vosso reino, Senhora. Que os doentes recebam de vós, minha Santa Rainha, a cura para todos os males, através das emanações e de vossas vibrações e que nós sejamos purificados em vossas sagradas águas. Que a força do vosso reino seja para nós um escudo contra as más influências dos seres inferiores, pois ainda somos crianças no reino em que vivemos e mal o conhecemos. Que o vosso sagrado manto agasalhe todos os necessitados e traga o vosso calor de Santa Mãe, que vós sois. Senhora, tende piedade de tantos que, como eu, vos invocamos neste momento sublime. Atendei-nos em nossos pedidos. Senhora Rainha do Mar e para tanto deixamos nossas suplicas na sétima onda do vosso mar. Assim seja’.
Livro: IEMANJÁ - Autor: J, EDSON ORPHANAKE
Ocorreu um erro neste gadget